André Luiz Miranda afirma que sempre quis atuar

Ator é apegado à família e recorda personagem marcante.

Fotos: Rodrigo Lopes
Styling: Espaço Jackie Britto
Look: Raffer 


André Luiz Miranda ficou encantado pelas artes quando era muito novo. Com trabalhos em novelas como “Floribella”, “Chamas da Vida”, “Casa das Sete Mulheres”, “Cama de Gato”, “Avenida Brasil” e “Pecado Mortal”, André Luiz também possui experiência no ramo empresarial pois foi sócio de um restaurante no Rio de Janeiro. Mas seu papel mais marcante foi o Tiziu, em “Terra Nostra”, quando tinha 11 anos. Depois de passar por SBT e Record, ele retornou à rede Globo para interpretar Vinícius em “Malhação: Vidas Brasileiras”. O ator falou sobre trajetória, paternidade e como é trabalhar com um ídolo.

Como surgiu o interesse pela atuação? Desde pequeno eu sempre fiz questão de participar de tudo relacionado a arte na escola. Fazia teatrinho, dança… Já falava pra minha mãe que queria ser artista desde essa época.

Quais as maiores dificuldades que enfrentou na carreira? Certamente essa profissão é uma das mais difíceis, ainda mais para atores negros, nos deparamos com poucos personagens na dramaturgia.

Em certo período, você resolveu também empreender. Como foi essa experiência?Desafiadora. Me arrisquei em um mercado totalmente diferente do que eu estava acostumado, mas eu aprendi demais nesse período.

Como foi o retorno à Globo? Fale um pouco sobre o trabalho em “Malhação”. Estou muito feliz em poder voltar à TV Globo depois de 6 anos nesse projeto tão especial. Está sendo uma experiência linda ver tanta gente jovem, talentosa, apaixonada pelo que faz e poder dar vida a um personagem tão bacana como Vinícius, meu papel na novela. Ele é um cara de bem que só quer ajudar as pessoas.

Você participou de “O Rico e o Lázaro”, novela bíblica da Record. Qual é a sua relação com a fé? Acredito que sou um cara de fé. Tenho Deus como a força maior que nos rege.

Com muitas novelas no currículo, ainda há quem lembre de você pelo personagem Tiziu de “Terra Nostra”. Apesar de muito novo na época, o que carrega de lembrança desse trabalho? Foi um lindo trabalho. Tive o privilégio de contracenar com grandes atores e lembro que fui acolhido com muito carinho por todos. É muito bacana ainda ser abordado pelas pessoas e saber que Tiziu as marcou.

É possível afirmar que esse foi seu trabalho mais marcante? Se não, qual foi o que mais te marcou? Sem dúvida. Foi meu 1º personagem! Vou carregar o Tiziu para toda vida. Ele não só marcou a minha vida como a de muita gente. Feliz em saber que ele está vivo na memória das pessoas.

Encontra mais facilidade em atuar nos palcos ou nas telinhas? Eu não diria facilidade. São duas zonas bem complexas, duas linguagens diferentes. Na TV, se errar algo você tem a chance de refazer, já no teatro, como é ao vivo, tem que estar muito inteiro e pronto pra seguir em frente.

Quais são as suas influências? E inspirações? Hoje tenho o Lázaro [Ramos] como uma grande referência. Tive (e tenho) o prazer de ser dirigido por ele no espetáculo “O Jornal – The Rolling Stone” (em cartaz em São Paulo depois de uma temporada de grande sucesso no Rio). Vejo sua militância sobre a igualdade racial no país, sua trajetória, tudo que conquistou até hoje. É lindo!!

Fale um pouco sobre a paternidade. Ser pai foi a melhor coisa que me aconteceu. É incrível, um sentimento que não da pra explicar. A vida tem outro sentido. É se doar por completo, entender que agora a existe outra prioridade. A responsabilidade aumenta muito. (Bia hoje tem 2 anos)

Com a rotina de gravações, o que procura fazer para relaxar? Fico em casa mesmo assistindo séries, brincando com a minha filha…

Analisando tudo que já conquistou, quais as suas metas daqui para frente? Me consolidar na profissão e proporcionar uma vida mais confortável pra minha família.

Ping-Pong

• Nome: André Luiz Jardim de Miranda
• Idade: 30
• Local de nascimento: Niterói
• Altura: 1.78
• Apelido: Dedé
• Qual é sua maior qualidade? Simpatia
• E seu maior defeito? Teimosia
• O que você mais aprecia em seus amigos? Lealdade
• Sua atividade favorita é: Atuar
• Qual é sua ideia de felicidade? Um mundo mais justo
• Quem você gostaria de ser se não fosse você mesmo? Pantera Negra
• E onde gostaria se viver? Eu amo o Brasil
• Qual é sua viagem preferida? Lugar de praia
• Qual é sua cor favorita? Preto
• E qual é sua comida favorita? Japonesa
• Um animal: Parece esquisito, mas gosto de jacaré! Hahaha
• Quais são seus atores preferidos? Will Smith, Denzel Washington
• E seus cantores? Djavan, Michael Jackson, Alicia Keys, Marcelo Falcão
• O que você mais detesta? Violência
• Que dom você gostaria de possuir? Teletransporte
• Uma mania: Acho que não tenho. Hahaha
• Um sonho de consumo não realizado: Casa própria
• Uma lembrança de infância: Aquele futebol no campo da Cohab
• O que o irrita? Desigualdade
• O que ou quem é o maior amor de sua vida? Minha filha
• O que você considera a sua maior conquista? Minha família
• Qual é o seu maior tesouro? Minha mãe
• Defina-se em uma palavra: Perseverança